Prêmio Gustavo Martinelli

Sócio Gustavo Martinelli recebe prêmio Celso Antônio Bandeira de Mello

A premiação se deu no XXXIII Congresso Brasileiro de Direito Administrativo.

Por ocasião do XXXIII Congresso Brasileiro de Direito Administrativo, o Sócio Gustavo Martinelli foi agraciado com o Prêmio Celso Antônio Bandeira de Mello no concurso de artigos jurídicos.

O artigo “Lobby como facilitador da decisão pública satisfatória” recebeu a segunda colocação pela Comissão Científica do Instituto Brasileiro de Direito Administrativo (IBDA). Investigou-se como a presença da atividade de lobby junto aos gestores públicos conduz a um comportamento maximizador do interesse público.

Isso porque a competição entre diferentes lobistas em prol do convencimento do agente político eleva o grau e a qualidade de informação disponível ao tomador de decisão.

Se, antes da comunicação com os adversários, havia um número relativamente baixo de informação, após o contato com a sociedade civil a informação será mais bem tratada. De qualquer maneira, quem melhor ganha com a prática de lobby é o interesse público.

O Escritório Martinelli & Guimarães defende uma regulamentação federal da prática de lobby, a fim de conferir igualdade de oportunidades a todos os membros da sociedade para influenciar na decisão política. Trata-se de fortalecer a democracia.

“Falamos em regulamentar o lobby, não em autorizá-lo. A Constituição já dá conta de autorizar a prática a partir das garantias fundamentais da liberdade de expressão, liberdade de associação e do direito de petição aos órgãos de poder.” – Salienta Gustavo Martinelli.

Dúvidas sobre o tema? Escreva para contato@martinelliguimaraes.com.br

Compartilhar

Share on facebook
Share on email